menu.jpg

22/09/2008 | Versão para Impressão

Obras de transio entre exposies do Muhm

A Mateada da Primavera, que acontece no sábado, dia 27 de setembro, também marca a transição entre duas exposições. O MUHM encerrou, na última sexta-feira (19), a sua mostra Mulheres e Práticas de Saúde: Medicina e Fé no Universo Feminino. Inaugurada em março deste ano, mais de 3 mil pessoas visitaram a exposição, que abordou a história de médicas, parteiras e benzedeiras através de fotos, objetos, documentos, uma réplica da vestimenta da médica gaúcha Rita Lobato, a primeira formada em medicina no Brasil, e dois documentários - Fé e Vida – produzidos pelo documentarista Felipe Henrique Gavioli durante as entrevistas realizadas pelo historiador Éverton Quevedo para a mostra.

Durante a exposição também foi lançado o projeto Quintas no Museu, evento que traz palestrantes todas as semanas para falar sobre temas diversos, como medicina, saúde, história, além de artistas e músicos, e que deve continuar na próxima exposição. A mostra havia sido programada para ir até 13 de junho, e depois foi prorrogada, inicialmente, para outubro. A necessidade de adiantar o início das obras da nova mostra, Desafios da Medicina, adiantou os planos. A Sala Rita Lobato, inaugurada durante a última mostra, vai ser totalmente reformada, permitindo a transformação em um espaço multiuso que pode tanto permitir a realização de eventos que exijam acomodações para o público como exposições, marcando o 1º ano do MUHM na Beneficência Portuguesa.

 



Compartilhe:


Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player