menu.jpg

29/01/2009 | Versão para Impressão

75 anos do Hospital Parque Belm

O diretor do Museu de História da Medicina do Rio Grande do Sul (MUHM), historiador Éverton Quevedo, participou nesta quinta-feira (29) do início das comemorações pelos 75 anos do Hospital Parque Belém (HPB), com a inauguração da Galeria de ex-Presidentes. O hospital teve a sua pedra fundamental lançada em 30 de janeiro de 1934, e a fundação aconteceu em 3 de maio de 1940. O objetivo do HPB era tratar de doenças pulmonares, e durante muitos anos esteve ligado à campanha nacional da tuberculose, quando tornou-se referência no sul do país. A partir de 1975, com a quase erradicação da tuberculose, transformou-se em hospital geral.

O HPB será um dos hospitais retratados na mostra “Espaços de saúde e memória: Hospitais Históricos de Porto Alegre”, que já tem data para inaugurar: 27 de março. As outras instituições são a Beneficência Portuguesa, a Santa Casa de Misericórdia, o Hospital Psiquiátrico São Pedro, o Hospital Moinhos de Vento e o Hospital Sanatório Partenon.




Éverton Quevedo, diretor do MUHM, Lúcia Souza, bibliotecária do Hospital Parque Belém, Maria Rita de Assis Brasil, vice-presidente do SIMERS, e Mauro Sparta, diretor administrativo do hospital e responsável pelo Centro de Estudos da instituição.
Da esquerda para a direita: Éverton Quevedo, diretor do MUHM, Lúcia Souza, bibliotecária do Hospital Parque Belém, Maria Rita de Assis Brasil, vice-presidente do SIMERS, e Mauro Sparta, diretor administrativo do hospital e responsável pelo Centro de Estudos da instituição.


Compartilhe:


Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player