menu.jpg

05/11/2007 | Versão para Impressão

Diretora do Muhm fala do Projeto Acervo no Rio de Janeiro

O Museu de História da Medicina do Rio Grande do Sul (Muhm) participa, nesta segunda-feira (05), do II Encontro de Colônias, que segue até 07 de novembro no Rio’s Presidente Hotel, no Centro do Rio de Janeiro. O convite para o evento ocorreu durante o 3º Simpósio Brasileiro de Hansenologia, ocorrido entre 25 e 27 de outubro, em São Paulo, quando a diretora do Muhm, a historiadora Juliane Serres, apresentou o Projeto Acervo: pela recuperação da memória dos Hospitais Colônias, que agora leva o trabalho à Capital carioca.

 

A palestra trata do projeto de levantamento dos acervos históricos disponíveis nos antigos hospitais-colônia do Brasil, sob a coordenação do Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (Morhan), e do qual o Muhm faz parte. O objetivo da iniciativa é chegar à compilação de um banco de dados de acesso disponível a todos os interessados na história da hanseníase. Também está prevista a digitalização dos documentos considerados prioritários para preservação da memória dos hospitais colônia, obtenção de registros de história oral e um museu virtual com disponibilização dos acervos digitalizados.



Compartilhe:


Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player