PIRES, Evaristo Nunes

Natural de Rio Grande (RS), 13 de fevereiro de 1855 – 28 de agosto de 1910, Rio de Janeiro (RJ). Filho de Manuel Nunes Pires e Cesarina Nunésia Pires. Bacharel em Letras, pelo Colégio Dom Pedro II, do Rio de Janeiro. Formou-se pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro, no ano de 1881. Atuou como professor interino de geografia da Escola Normal, Rio de Janeiro, e do Colégio Militar entre 1898 e 1901. Foi Médico do Corpo de Saúde do Exército, reformando-se em 1886. Poeta e historiador. Membro da Sociedade Auxiliadora da Indústria Nacional, Rio de Janeiro. Entre as suas obras elencadas podemos citar: Esboços Históricos e Geográficos, biografias, Rio de Janeiro, 1874. Progressos do Brasil no Século XVIII até a Chegada da Família Imperial, tese para concurso no Colégio Dom Pedro II, Rio de Janeiro, 1878. Das Altas Localidades e dos Vales em Relação à Higiene, tese de formatura, id, 1881. Descobrimento do Brasil e seu Desenvolvimento Durante o Século XVI, tese de concurso, id, 1883. Publicou poesias em jornais e revistas do Rio de Janeiro.

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/historicos/dpl/DPL0056-1892.htm

https://www.diariodasleis.com.br/legislacao/federal/175372-abre-ao-ministerio-da-fazenda-o-credito-de-8-158-861-para-pagamento-ao-dr-evaristo-nunes-pires-de-etapas-que-lhe-competem-referentes-aos-exercicios-de-1898-a-1901.

html https://www.jusbrasil.com.br/diarios/1623624/pg-1-secao-1-diario-oficial-da-uniao-dou-de-23-04-1901

;