TORRES, Tristão de Oliveira

Nasceu em 1853. Filho de Sezefredo Da Costa Torres e Maria Maximilia De Oliveira. Em 1902 foi efetivado como diretor do São Pedro de Porto Alegre (RS) o clínico e médico adjunto Tristão de Oliveira Torres. Para a vaga de médico adjunto foi nomeado o doutor José Carlos Ferreira. Já em 1903 organizou um novo Regulamento para o Hospício São Pedro. O quadro de pessoal previsto era de 37 funcionários, entre os quais 01 diretor-médico e 01 médico adjunto, 05 enfermeiros e 09 ajudantes, 03 enfermeiras e 05 ajudantes. Atuou ainda como Professor da Faculdade de Medicina de Porto Alegre, nem 1904, com a cátedra Psiquiátrica e Moléstias Nervosas. Foi eleito deputado estadual, à 21ª Legislatura da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul, de 1891 a 1895.

www.polbr.med.br/ano07/wal0607.php

http://www2.al.rs.gov.br/biblioteca/LinkClick.aspx?fileticket=vgfo5H4q-JM%3d&tabid=3101&language=pt-BR

http://www.ufrgs.br/museupsi/PSI-RS/Chap3.htm

https://gw.geneanet.org/valdenei?lang=fr&n=torres&oc=0&p=carlota+da+costa

FRANCO, Álvaro; RAMOS, Sinhorinha Maria. Panteão Médico Riograndense: síntese cultural e histórica. São Paulo: Ramos e Franco Editores, 1943, p 574

Aviso de Privacidade

O Simers utiliza cookies e tecnologias semelhantes, como explicado em nossa Política de Privacidade, para melhorar a experiência de usuário. Ao navegar por nosso conteúdo, o usuário aceita tais condições.

Ver Política
;