CAROTENUTO, Giuseppe

Natural de Nápoles (Itália), 14 de abr. de 1900 - 29 de jun. de 1987, no Rio de Janeiro. Filho de Domenico e Rosina Carotenuto. Fez seus estudos primários e secundários no Liceu Umberto Primo de Nápoles (Itália). Formou-se em Medicina pela Real Universidade de Nápoles Federico II (Università degli Studi di Napoli Federico II), em 1923, com a tese “A Anatomia Patológica e a Clínica das Pneumonias”. Em Paris, fez curso de Dermatologia e doenças venéreas no Hospital Saint-Louis; Curso de Cirurgia Infantil com Ombredanne; Curso de Pediatria com Marfan; Curso de Doenças do Fígado no Hotel-Dieu; Curso de Obstetrícia no Hospital Tarnier. Curso de Tuberculose Infantil no Hospital Hérold. Em Bruxelas, fez o curso de Doenças Tropicais, na Escola de Medicina Tropical. Em Nápoles, realizou o curso de Urologia, de Obstetrícia, e Doenças da Pele e Sífilis nos Hospitais “Incurabili” e “Gesú Maria”; Curso de Parasitologia no Instituto de Parasitologia; Curso de Antropologia Criminal no Instituto Antropológico; Curso de Química Biológica no Instituto de Patologia Geral. Também chefiou uma missão de combate da tripanossomíase na África Equatorial, como encarregado do governo Belga. Chegou ao Rio Grande do Sul, na década de 1930, iniciou suas atividades médicas nos municípios de Santo Ângelo (RS) e Ijuí (RS), com o registro profissional D.H.S. 363 obtido em 25 de jul. de 1933. Naturalizou-se cidadão brasileiro com o nome de José Carotenuto. Publicou trabalhos sobre: “As Nefrites” e “A Esplenomegalia trombo-flebítica”. Na década de 1940, mudou-se com a sua família para Porto Alegre (RS), na Av. Cristóvão Colombo, 369, clinicando até meados de 1980. Casou-se com Anna Frey Carotenuto, natural de Santo Ângelo (RS), com quem teve dois filhos, Paulo Roberto Adriano da Silva Carotenuto e Lígia Beatriz Carotenuto. Dados fornecidos pela família (Adriano Carotenuto).

FRANCO, Álvaro; RAMOS, Sinhorinha Maria. Panteão Médico Riograndense: síntese cultural e histórica. São Paulo: Ramos e Franco Editores, 1943, p. 494.

;