ANDRADE, Hugolino Leal de

Natural de Livramento (RS), 8 nov. 1905 – 12 jun. 1990. Filho de Hugolino Cruxen de Andrade Faria, farmacêutico formado pela Faculdade de Farmácia do RJ e Elisa Leal de Andrade. Estudou no Liceu Rio Branco no RJ. Formou-se em Medicina pela Faculdade de Medicina do RJ, em 1927 e em Farmácia. Especializou-se em Clínica Médica e Radiologia, no RJ. Iniciou a sua carreira médica em 1928, exercendo de forma ininterrupta sua atividade na Santa Casa de Misericórdia de Sant’Ana do Livramento, tendo sido seu Diretor Médico, bem como Diretor Médico do Serviço de Sífilis e Doenças Venéreas da Fronteira, em convênio Internacional Brasil-Uruguai. Foi também Capitão-Médico da Brigada Militar do Estado, no início de sua carreira profissional. Diretor do Instituto de Radiologia Dr. Hugolino Andrade desde 1939, foi membro do Colégio Brasileiro de Radiologia, do Colégio Interamericano de Radiologia, membro da Sociedade Brasileira de Radiologia da Guanabara, Sócio Honorário da Sociedade Portuguesa de Radiologia e Medicina Nuclear de Lisboa. Foi Vice-Presidente da AMRIGS, Presidente do Colégio Brasileiro de Radiologia (1963-1965) e Membro do Conselho Consultivo do Colégio Brasileiro de Radiologia. Introdutor no Brasil dos métodos de colangio colecistografia endovenosa (1955) e da colangiografia trans-hepática (1957). Foi Vice-Presidente do VIII Congresso Mundial de Hidatidose, realizado no Uruguai em 1962. Foi conferencista convidado no Congresso Médico Internacional comemorativo ao Xº aniversário do Hospital do IPASE no Rio de Janeiro e conferencista convidado em vários Congressos realizados no RJ, BH, Vitória, SP, Curitiba, Porto Alegre, Recife e outras cidades brasileiras. Foi Professor Visitante da Faculdade de Medicina da Pontifícia Universidade Católica do RS. Foi Orador do Iº Congresso Luso-Brasileiro de Radiologia, realizado no RJ, comemorativo ao IV Centenário da Fundação da Guanabarra (discurso de abertura), no X Congresso Brasileiro de Radiologia, realizado em 1969 em Brasília (discurso de encerramento), na Homenagem Oficial ao Prof. Saint Pastous pelos radiologistas brasileiros nas Jornadas Sul Riograndenses de Radiologia, realizadas em março de 1970, em Porto Alegre (discurso de abertura), no XIX Congresso Nacional de Radiologia realizado no RJ em 1983 (discurso de abertura) e no Grande Banquete de encerramento das festividades, realizada no Hotel Alvear, quando, como Presidente da Caravana de Médicos Radiologistas que visitaram Buenos Aires, em 1965. Foi Professor em vários Cursos de Atualização em radiologia realizados em São Paulo e na Guanabara e autor de várias monografias sobre radiologia e do livro “Hidatidose e Conceitos Gerais e Radiologia”, publicado em 1982. Foi fundador do Clube Campestre de Sant’Ana do Livramento e seu Presidente por oito anos e Presidente do Rotary Clube de Livramento. Foi político militante ativo durante muitos anos, sendo de formação Republicana Castilhista, esteve sempre presente nos movimentos políticos ocorridos no Brasil, desde a sua vida estudantil. Recebeu o diploma da “Ordem do Mérito Médico”, conferido pelas Entidades Médicas Gaúchas, em Porto Alegre, em 18 de outubro de 1987.É patrono da cadeira 32 da Academia Sul-Rio-Grandense de Medicina, hoje ocupada pela Dra. Lígia Maria B. Coutinho. Literato. Publicou o livro de poesia “Ressurreição” e de prosa “Crônica da vida de um radiologista de Província”; “Discurso na Homenagem que a Cidade Presta às Forças Armadas”, em 14 de agosto de 1964, 5 p. s/n., s/ed., Editora Folha Popular S/A, Livramento. “Hidatidose” – Conceitos Gerais e Radiologia – Medicina, 1982, 164 p., Sociedade Gaúcha de Radiologia, AMRS Gráfica Editora, Porto Alegre. “Apendicite Crônica” - “Radiologia” - “Considerações em torno de alguns casos de trâmite” - “Um Mundo Melhor através de Rotary”, conferência em 18 de abril de 1967, Livramento, Ed. Livramento, 1967. - “Crônica da Vida de um Radiologista de Província” – Palestra na abertura do IX Congresso Brasileiro de Radiologia, Rio de Janeiro, 1983, 1.ed., 1984, 42 p., Gráfica Editora A Platéia Ltda., Livramento, 2.ed., 1985, 59 p., s/ed. e local. Discurso de Agradecimento às Homenagens pelo 80° Aniversário, 1985, 15 p., s/ed., Livramento. Casou-se com Marta Josefina Irigoyen de Andrade e teve 1 filha, Marta. FRANCO, Álvaro; RAMOS, Sinhorinha Maria. Panteão Médico Riograndense: síntese cultural e histórica. São Paulo: Ramos e Franco Editores, 1943, p.479. http://academiademedicinars.com.br/cadeiras/hugolino-leal-de-andrade/
;