ANNERL, Erich Franz

Natural de Frain (Áustria) (1896-1968). Formado pela Universidade de Viena, na Áustria. Especializou-se em Cirurgia, tendo voltado à Europa duas vezes, para frequentar cursos de especialização cirúrgica da Universidade de Viena e de Roentgenologia da congênere, em Berlim. Foi assistente das clínicas da Universidade de Viena. Veio ao Brasil em 1922 devido à construção do Hospital Alemão, em Porto Alegre (RS), atual Hospital Moinhos de Vento. Atuou como clínico em Porto Alegre (RS), Agudo (RS), Cerro Azul, atual Cerro Largo (RS), São Sebastião do Caí (RS), Santo Antônio da Patrulha (RS), Dois Irmãos (RS), Lajeado (RS), Estrela (RS) e Encantado (RS) em 1937, participando da fundação do Hospital Beneficente Santa Terezinha, inaugurado em 1945. Foi sócio fundador da Sociedade de Medicina do Alto Taquari (SMAT). Atuou como cirurgião. Dedicou-se também à criação de orquídeas e plantação de tungue e soja. Fundou a primeira indústria de desidratação de ovos no Brasil. Casou-se com Anneliese, tendo uma filha de nome Gabriele. Exerceu a profissão em Encantado (RS), onde há uma rua com seu nome. FRANCO, Álvaro; RAMOS, Sinhorinha Maria. Panteão Médico Riograndense: síntese cultural e histórica. São Paulo: Ramos e Franco Editores, 1943, p. 479. PREGER, Claus Michael. Médicos alemães, húngaros e austríacos no Rio Grande do Sul. In: QUEVEDO, Éverton; et al. Museu de História da Medicina - MUHM: um acervo vivo que se faz ponte entre o ontem e o hoje. Porto Alegre: Evangraf, 2016, p.128. https://www.rdencantado.com.br/images/jornal_opiniao/4575/20_MARCO_2020.pdf
;