FARACO, Eduardo Zacaro

Natural de Alegrete (RS), 25 de agosto de 1917. Filho de Braz Faraco e Francesca Zaccaro Faraco. Formou-se em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade de Porto Alegre, em 1939. Foi professor da universidade que o formou, lecionando a cadeira de Terapêutica Clínica. Atuou e ensinou seus alunos na Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre. Neste hospital conseguiu um aparelhamento de cateterismo cardíaco e realizou os primeiro exames na enfermaria 38, a qual chefiava. Foi ainda neste espaço, que teve início o programa que deu origem a residência médica, custeado inicialmente pela Fundação Kellog. Foi paraninfo da turma médica formada em 1957 e em 1968 foi escolhido Reitor da Universidade, ficando no cargo até o ano de 1972. Em 1968, o reitor Eduardo Faraco nomeou uma comissão para estudar a instalação e início do funcionamento do recém construído Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA). Idealizada por ele, em 2 de setembro de 1970 foi assinada pelo presidente da República a Lei 5.604, instituindo a Empresa Pública de Direito Privado HCPA, subordinada ao Ministério da Educação e vinculada academicamente à UFRGS. Outra inovação criada por ele na reitoria da UFRGS foi a criação de uma creche para os funcionários do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, que recebeu o nome da mãe do médico e está em funcionamento até hoje. Em Porto Alegre, foi homenageado com o Largo Eduardo Zacaro Faraco.

FRANCO, Álvaro; RAMOS, Sinhorinha Maria. Panteão Médico Riograndense: síntese cultural e histórica. São Paulo: Ramos e Franco Editores, 1943

http://antoniovalsalva.blogspot.com/2010/03/prof-eduardo-faraco.html

;