GEYER, Carlos

Natural de Porto Alegre (RS), 13 de outubro de 1890. Doutorou-se pela Faculdade de Medicina de Porto Alegre, em Dezembro de 1913, defendendo a tese "Reação de Alderladen no diagnóstico da gravidez”. Especializou-se em Sorologia. Realizou viagens de estudos à Europa. Exerceu a profissão em Porto Alegre. Fundou o Laboratório Geyer em 13/06/1925, iniciou suas atividades em um sobrado da Praça XV de Novembro, sendo mais tarde transferido para a Avenida Otávio Rocha em Porto Alegre (RS). Em 1962 o laboratório mudou-se para a sua sede própria e definitiva, projetada especificamente para operar como laboratório, situada à Praça XV de Novembro, n° 16. Em 1974, os setores de Anatomia Patológica e Citopatologia foram instalados nas dependências do Hospital Ernesto Dornelles, prestando serviço também a vários Hospitais de Porto Alegre. Em 2006, os setores de Anatomia Patológica e Citopatologia foram transferidos para a Avenida Ipiranga, 2511 – 3° andar. É um dos poucos laboratórios do RS com atividade em duas áreas distintas de diagnóstico médico: Análises Clínicas e Anatomia Patológica. Casou-se com Zélia A. Geyer.

FRANCO, Álvaro; RAMOS, Sinhorinha Maria. Panteão Médico Riograndense: síntese cultural e histórica. São Paulo: Ramos e Franco Editores, 1943, p. 515.

http://www.labgeyer.com.br/laboratorio

;