GONÇALVES, Manoel Loforte

Natural de Lisboa (Portugal), 27 de janeiro de 1908. Filho de Antônio Gonçalves e Berta Loforte Gonçalves. Estudou primário e secundário no Ginásio Cruzeiro do Sul, em Porto Alegre (RS) e realizou o preparatório completo no Curso do Irmão Weibert, em Porto Alegre (RS). Diplomou-se em Medicina pela Faculdade de Medicina de Porto Alegre, em 1931, defendendo a tese “Algumas Considerações Sobre Três Casos de Persistência de Timus”. Assistente de Propedêutica Clínica de 1932-1934 e de Terapêutica Clínica de 1934-1938 na Faculdade de Medicina de Porto Alegre. Realizou o curso de Farmacodinâmica do Prof. Paulo de Carvalho, no Rio de Janeiro. Foi Livre-Docente da cadeira de Farmacologia e Catedrático. Aposentando-se em 1967. Médico especialista em Gastroenterologia. Trabalhou no Hospital de Pronto Socorro de Porto Alegre. Foi membro do Rotary Club de Porto Alegre. Publicou: “Duas indicações da espermoterapia” In: Revista de Medicina Cirúrgica e Farmacêutica; “Considerações sobre um caso de pseudo-hermafrodismo”. In: Arquivo Rio-Grandense de Medicina, Porto Alegre; “Terapêutica de febre tifóide”, ibid. Evolver do ensino médico através dos tempos”, aula inaugural. In: Revista de Medicina do RS, Porto Alegre, v. 3, n. 16, mar./abr. 1947; “Úlceras gastroduodenais e vírus. In: Revista Medicina e Cirurgia, Porto Alegre, v. 10, n. 1, jan./abr. 1948; “Algumas razões que nos levam a considerar um vírus como causa de recidiva da doença ulcerosa gastro-duodenal”. In: Anais da Faculdade de Medicina de Porto Alegre, 1949. “Resumo histórico da farmacologia e suas relações com a ciência experimental”. In: Arquivos Rio-Grandenses de Medicina, Porto Alegre; “Algumas considerações sobre dois corpos estranhos intra-auriculares”. In: Revista da Assistência Pública Municipal de Porto Alegre, id; “Anofilaxia e Idiossincrasias em Farmacodinâmica”, tese; “Sincopes Anestésicas”, tese; Estudos de Farmacodinâmica no Globo Ocular, conferência no Centro de Estudos Ivo Correa Meyer, P. Alegre, 23 out. 1968. Foi um dos responsáveis pela criação da Sociedade de Gastroenterologia no RS, juntamente com Geraldo Escosteguy e Ernesto Liopart Castro. Casou-se em segundas núpcias com Izar Marques Lisboa. Pai de Alice Schultz Loforte Gonçalves, filha do primeiro casamento.

http://antoniovalsalva.blogspot.com/2010/01/profmanoel-loforte-goncalves.html

https://www.ufrgs.br/famed/index.php/informacoes-academico-medicina/formados/72-decada-de-1930

http://docplayer.com.br/194337808-Algumas-razoes-que-nos-levam-a-considerar-um-virus-como-causa-de-recidiva-da-doenca-ulcerosa-gastro-duodenal.html

http://www.muhm.org.br/biografiasdigitalizadas/05103d6ba26208a36c2d95a034b9340d/ati_424.pdf

;